terça-feira, 2 de novembro de 2010

Lágrimas

Quisera poder chorar até a dor sumir,
Até fechar os olhos, até poder sorrir.
Quisera poder sonhar até voar praí,
Até poder abraçar, até poder sentir.

Quisera poder juntar as cidades,
Até a hora passar, até não sentir saudades.
Quisera poder fazer a distância acabar,
Até parar de sofrer, até poder voltar.

Quisera não haver tempo,
Até a chuva parar, Até acalmar meu pensamento.
Quisera poder fugir,Até poder correr,
Até livrar de si.

Quisera poder acabar com a solidão,
Até poder para de ouvir o silêncio,
Até pegar sua mão.
Quisera poder chorar, até conseguir dormir,
Até a dor passar,
E o sonho te trazer pra mim.

3 comentários:

Larissa disse...

Tô com vc... e pra mim não tem distancia que nos separe, lembra que estamos a distancia apenas de um telefonema, de uma mensagem... e o tempo? Ele é nosso amigo, sempre é, mesmo q não acreditemos nele! Somos impacientes, neh?!
Amo vc!

Marina Flora disse...

se meu coração pudesse diminuir mais... sumiria!

Marco..^^ disse...

Se não conseguir pegar essa mão ai, a minha está sempre aqui estendida para te ajudar.
Lembra neh??
(L)